Quarta, 18 de Maio de 2022
27°

Muitas nuvens

Salvador - BA

Municípios Municípios

Prefeitura de Feira descumpre carga horária de professores

Denúncia de parlamentar mostra que os profissionais trabalham até quatro horas a mais na semana

11/05/2022 às 16h58
Por: Lohan Santana
Compartilhe:
Foto: Divulgação/Secom
Foto: Divulgação/Secom

Os professores que foram contratados pelo REDA (Regime Especial de Direito Administrativo) estão trabalhando em uma carga horaria diferente da que foi contratada pelo edital, que é a de 20 horas. A denúncia é do vereador Jhonatas Monteiro (PSOL).

De acordo com o parlamentar, há professores que trabalham 24 horas por semana, ou seja, quatro a mais do que foi contratado. Para ele, “trata-se de uma ilegalidade e de um flagrante legal. Isso porque, pela lei, o professor precisa de um tempo de planejamento, para que possa organizar suas aulas”, explicou.   

O parlamentar afirmou ainda que o prefeito "deu uma declaração lamentável" sobre o assunto, que, de acordo com o vereador, não contribuiu em nada para a situação que está sendo vivida. Colbert disse, de acordo com Jhonatas, que os professores não têm trabalhado corretamente e, por esse motivo, o índice do IDEB – Índice de Desenvolvimento da Educação Básica - não foi alcançado.  

“Não foi alcançado por causa de tudo que tem acontecido com a classe dos professores, isso sim. Eu conheço profissionais que adoeceram dentro de todo esse processo e, também, porque não há estrutura de trabalho adequada para prestar um bom serviço aos alunos do município. Por isso, digo: vá trabalhar, coloque a mão na massa, Colbert. Garanto que as escolas vão funcionar. Mas não fique delegando para terceiros”, finalizou. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.