Segunda, 24 de Janeiro de 2022
28°

Chuva fraca

Salvador - BA

Política Política

Destino de Nilo provoca discussão entre Régis e Rosemberg

Os líderes da oposição e do governo na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), Sandro Régis (DEM) e Rosemberg Pinto (PT), trocaram farpas, pelo Twitter, na manhã desta quarta-feira (12)

12/01/2022 às 17h12
Por: Lohan Santana
Compartilhe:
Foto: Montagem / Divulgação / Alba
Foto: Montagem / Divulgação / Alba

Os líderes mostraram posições diferentes sobre especulações e movimentações que dão sinais da saída do deputado federal Marcelo Nilo (PSB) da base de Rui Costa e Jaques Wagner, ambos do PT, para o grupo liderado pelo ex-prefeito de Salvador e pré-candidato do DEM ao governo estadual, ACM Neto.

A provocação começou com o deputado estadual Rosemberg Pinto (PT). “Se meu amigo Marcelo [Nilo] reclama que do nosso lado a chapa majoritária é sempre formada por PT, PSD e PP; se prepara amigo, do lado de lá é sigla única: Neto!”, escreveu o petista. O líder da oposição, Sandro Régis, respondeu com uma serie de tuítes.

“De autoritarismo o PT entende muito bem. Basta ver o atual governador. O amigo deputado Rosemberg esqueceu de combinar com os russos, porque quem acusa o PT de ser autoritário e de não abrir debate são os próprios aliados do grupo petista”, iniciou o democrata.

Nas postagem seguinte, ele rememorou que, “na penúltima eleição de Marcelo Nilo para presidente da Alba, por exemplo, Rosemberg retirou o PT do plenário para não reconhecer a vitória dele. O PT só olha para o próprio umbigo”.

O democrata ainda recomendou cuidado ao colega de Casa “porque ele precisará de muitas desculpas como essa para justificar a debandada de um projeto de governo que colocou a Bahia em primeiro lugar na violência e em último na educação”.

Régis ainda sustentou que há diálogo na construção da chapa e do projeto liderado por Neto. “Inclusive, há interessados em estar na chapa de Neto que hoje estão do outro lado, pelo que se noticia na imprensa”, finalizou.Os líderes da oposição e do governo na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), Sandro Régis (DEM) e Rosemberg Pinto (PT), trocaram farpas, pelo Twitter, na manhã desta quarta-feira (12). Os líderes mostraram posições diferentes sobre especulações e movimentações que dão sinais da saída do deputado federal Marcelo Nilo (PSB) da base de Rui Costa e Jaques Wagner, ambos do PT, para o grupo liderado pelo ex-prefeito de Salvador e pré-candidato do DEM ao governo estadual, ACM Neto.

A provocação começou com o deputado estadual Rosemberg Pinto (PT). “Se meu amigo Marcelo [Nilo] reclama que do nosso lado a chapa majoritária é sempre formada por PT, PSD e PP; se prepara amigo, do lado de lá é sigla única: Neto!”, escreveu o petista. O líder da oposição, Sandro Régis, respondeu com uma serie de tuítes.

“De autoritarismo o PT entende muito bem. Basta ver o atual governador. O amigo deputado Rosemberg esqueceu de combinar com os russos, porque quem acusa o PT de ser autoritário e de não abrir debate são os próprios aliados do grupo petista”, iniciou o democrata.

Nas postagem seguinte, ele rememorou que, “na penúltima eleição de Marcelo Nilo para presidente da Alba, por exemplo, Rosemberg retirou o PT do plenário para não reconhecer a vitória dele. O PT só olha para o próprio umbigo”.

O democrata ainda recomendou cuidado ao colega de Casa “porque ele precisará de muitas desculpas como essa para justificar a debandada de um projeto de governo que colocou a Bahia em primeiro lugar na violência e em último na educação”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sandro Régis
Sandro Régis
Sobre
Salvador - BA Atualizado às 10h14 - Fonte: ClimaTempo
28°
Chuva fraca

Mín. 24° Máx. 28°

Ter 29°C 24°C
Qua 29°C 23°C
Qui 29°C 23°C
Sex 30°C 23°C
Sáb 31°C 23°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Enquete